Receba por e-mail:






15/02/2017
Compartilhar no Twitter Compartilhar no Orkut Compartilhar no Facebook
Comentários

O Império estremece

O Império estremece

A partir de hoje o Portal Capixabão retoma a famosa coluna "Arquivo X", que já deu o que falar nos bastidores políticos do ES. E voltamos logo após a maior crise que o estado já passou nos últimos anos, com um número de mortes que (segundo alguns deputados) pode passar de 200. Existe algum movimento político por trás da crise? Quais os impactos afetarão as eleições de 2018? Como fica a imagem de PH depois desse terremoto que abalou o estado?

Conspiração
A eleição da mesa diretora na Assembléia Legislativa (conhecida como extensão do Palácio Anchieta) transcorreu como queria o governador, conduzida por seu braço direito Zé Carlinhos da Fonseca Júnior. Entretanto, ficaram algumas cicatrizes com aliados que não foram contemplados na divisão dos cargos. Um deles foi o deputado Da Vitória (PDT), que segundo algumas raposas políticas, teria ficado indignado com o "Mão Palaciana" que o tirou da mesa. Dias depois da eleição, começou a paralisação da PM (greve, motim, aquartelamento ou outro nome semelhante), categoria na qual Da Vitória tem grande influência.

Telefone sem fio
Nos grupos de WhatsApp a boataria rolava solta e a cada momento um líder político era acusado de estar por trás da tropa insatisfeita. Sobrou para Renato Casagrande (PSB), Da Vitória, Capitão Assumção. Theodorico Ferraço (DEM) e até para a Senadora Rose De Freitas (PMDB). Todos negaram participação, mas não se pode negar que nenhum dos citados tem grande afinidade com PH, que é conhecido como grande jogador de xadrez, mas quase levou um cheque-mate.

Assembléia do Amém?
Após a eleição da mesa e a crise na segurança pública, parece que finalmente existirá uma bancada de oposição na ALES, composta por Majesky (PSDB), Da Vitória (PDT), Euclério Sampaio (PDT), Bruno Lamas (PSB), Zé Esmeraldo (PMDB) e o astuto Ferração (DEM), agora na planície, como mesmo disse várias vezes.

Bandeja de Prata
A oposição que começa a se desenhar, tem pedido com veemência a cabeça do Secretário de Segurança, André Garcia. Mas o pernambucano não abaixou o tom e continua com a postura altiva, tanto criticada localmente e até na imprensa nacional. Depois de tantos pedidos não atendidos, André continua de pé. Parece que ele não tem vocação pra João Batista. Vamos ver até quando...

Alô PH!

Afinal de contas, depois de tantos rumores conspiratórios e boatos, de quem seria a "Mão Peluda" a qual Vossa Excelência se referiu? Façam suas apostas para as cenas dos próximos capítulos.


Texto e Ilustração por: Arnóbio Manso Paganotto 




Leia mais:


Comentários

ar2
Assine os Feeds RSS Compartilhar no Twitter Compartilhar no Orkut Compartilhar no Facebook Resultados no Bing Resultados no Google
© 2011, Política Capixaba - Todos os direitos reservados
Subir